Lancheira saudável

Pois é gosto muito dos artigos da Pat Feldman, mas este em especial é muito legal e esclarecedor. As crianças sao abertas às mudanças, os pais é que tem apegos e conceitos antigos. Mudar é possível como vocês podem ver.


Um pouco mais sobre a lancheira
by PAT FELDMAN on 17/02/2012






Imagem: www.parentdish.co.uk


Antes de mais nada, acho que devo um pedido de desculpas sobre o meu sumiço. Falta tempo, sobra trabalho. Falta concentração, apesar de sobrar novos assuntos para contar e comentar.

Hoje vim falar sobre o argumento que muitas mães usam para não mandar lanches saudáveis para os filhos. Parece piada, mas muitas simplesmente deixam de mandar frutas ou iogurte ou pedacinhos de queijo ou outras tantas opções saudáveis, alegando que não adianta nada, já que os filhos verão a lancheira do amigo cheia de porcarias e acabarão comendo do mesmo jeito.

O argumento sempre me pareceu fraco demais, mas depois dessa semana ele definitivamente caiu por terra!

Na última 4a. feira meu filho mais velho chegou da escola meio reclamão, com cara tristonha e eu perguntei o que era. Eis que ele me explica o problema: a lancheira dele, sempre recheada de muitas frutas (essa semana com uvas, que ele ama), estava chamando demais a atenção dos amiguinhos. Tanto que, oferecendo aos amigos, sobrava muito pouco pra ele.

Ah, vejam só! Não são só as porcarias que podem chamar a atenção das crianças! Você pode mandar frutas e outras opções saudáveis e fazer do seu filho um exemplo bom para os outros amiguinhos.

Foi justamente o que eu expliquei ao meu filho: os pais e mães dos amiguinhos provavelmente ficariam muito felizes porque ele estava os ensinando a comer frutas. Ele ficou feliz da vida!!!

No dia seguinte mandei o dobro de uvas, assim ele poderia oferecer aos amigos e ainda comer um montão. Resultado: a lancheira voltou vazia e os amiguinhos vieram me agradecer na saída!!

Comentários

  1. adorei, que sirva de lição para algumas escolas e também pais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bia, bem legal essa experiência não é?

      Excluir

Postar um comentário

Faça seu comentário.
Ele nos ajuda a pesquisar os assuntos que interessam a você, leitor.

Postagens mais visitadas