Instituto Chão e os alimentos orgânicos mais baratos. Bora lá?

Fonte: Nosso mundo orgânico
Instituto Chão
Postado por Bianca Pulice




O Instituto Chão é uma associação sem fins lucrativos formada por 6 amigos que quiseram experimentar algo diferente.

Inaugurado dia 26 de Maio, a associação é um espaço de convivência e de economia social para a experimentação de novas formas de relação e que gera reflexão nas formas de consumo que estamos habituados.

Localizado no coração da Vila Madalena o espaço tem um café, uma mercearia com produtos orgânicos e artesanais, plantas e cerâmicas.

Obviamente a rede wifi é aberta e você pode tomar um cafezinho por R$ 1,50. Não, eu não errei. No Instituto Chão a ideia é que tudo servido ou vendido ali seja repassado ao consumidor pelo preço de compra. Os custos são expostos a todos, assim como o que é arrecadado e esse painel é atualizado diariamente.

Esses são alguns dos princípios da economia solidária, ou o que podemos chamar de era pós capitalismo. Na economia solidária não há exploração dos trabalhadores envolvidos nos processos, não há especulação de preços e a rede é horizontal, ou seja, não existe hierarquia, tudo é decidido junto, para o bem de todos. O consumo é consciente e todos cooperam entre si.













Estive a semana passada em um curso que falava exatamente sobre esse novo tipo de economia e assim que voltei vi a notícia sobre a abertura do Instituto Chão. Quase chorei de emoção e fui conhecer no dia seguinte.

O espaço é lindo, super moderno e agradável, dá pra passar horas ali. Se chegar cedo você consegue comprar verduras e legumes do Sítio Escola Portão Grande (o sítio que fornece os legumes, verduras e frutas varia). Também é possível comprar plantas, comer um pão na chapa, tomar um suco, fazer uma reunião e umas comprinhas de produtos orgânicos da Fazenda Demétria, da Ecobio, queijos da Fazenda Tamanduá, congelados… e cerâmicas lindas que ficam expostas.

Só para se ter uma ideia, o mel Demeter custa R$ 9,00 no Instituto Chão. O mesmo mel no supermercado custa por volta do dobro do preço. E diferente do que alguns podem pensar, esse valor a mais não está indo pro produtor o que ajuda a tornar a relação de produção e consumo injusta.

Em cima do caixa fica a grande lousa com os custos do Instituto abertos. Assim você consegue ter ideia de quanto eles precisam para fechar o mês e não ficar no vermelho.

Para dar suporte a essa nova forma de consumo você pode ser um aliado do Instituto e participar da construção desse projeto: pode comprar os produtos direto do produtor, propor e realizar atividades no espaço, debater o projeto em reuniões periódicas… Para ajudar a manter o espaço você pode contribuir com R$ 60,00 mensais.

O sucesso foi tão grande que ontem e sexta eles precisaram fechar para se reorganizar, pois não esperavam tanta gente interessada logo na primeira semana de abertura.

Achei a ideia incrível e espero que as pessoas entendam a pegada e ajudem a fazer funcionar e que em breve muitos “Institutos Chão” possam abrir suas portas pelo Brasil afora.

Instituto Chão
R. Harmonia, 123 – Vila Madalena
F.: (11) 3530-0907
Horário: 3a. a sábado: 10h às 20h
www.facebook.com/InstitutoChao

Comentários

Postagens mais visitadas