Postagem em destaque

Encontro de Gastronomia Hospitalar

  Hoje participei a convite da Nutrinews do Encontro de Gastronomia Hospitalar, onde foram debatidos temas como hospitalidade, gastronomia...

Que tal fazer manteiga fermentada em casa?


Hum que delíciaaaaa, ainda não experimentei mas com certeza está na minha lista de desejos!




A manteiga, assim como o ovo e o chocolate, está sendo resgatada do "limbo", que bom!
Vamos saber o que ela tem de bom?


Você sabe quais são os benefícios da manteiga?
Fonte: Musculação.net

A manteiga é um desses alimentos que pode transformar refeições sem sabor em refeições deliciosas, mas durante as últimas décadas, tem sido considerada a culpadade vários problemas de saúde, desde a obesidade até às doenças cardiovasculares.

Recentemente, a manteiga tem vindo a ser considerada novamente um “alimento saudável”. Vamos saber porquê?
1 - A MANTEIGA É RICA EM VITAMINAS SOLÚVEIS EM GORDURA

A manteiga contém uma grande quantidade de Vitamina K2, que pode ter efeitos poderosos na saúde. Intimamente envolvida no metabolismo do cálcio e a deficiência de vitamina k2 tem sido associada a muitas doenças sérias, incluindo problemas cardiovasculares, cancro e osteoporose. Acontece que os lacticínios derivados de animais alimentados a pastos são particularmente ricos em vitamina k2.
2- A MANTEIGA CONTEM UMA BOA QUANTIDADE DE GORDURAS SATURADAS SAUDÁVEIS

A guerra contra a gordura saturada está baseada em má ciência. Nunca se conseguiu realmente provar que este tipo de gordura prejudica a saúde.

De fato, estudos recentes sugerem que não existe nenhuma associação entre a gordura saturada e as doenças cardiovasculares.As gorduras saturadas aumentam o colesterol HDL (o bom) e mudam o LDL pequeno e denso (muito mau) para um LDL maior… que é benigno.

A manteiga também contem uma quantidade decente de gorduras de cadeia curta e média… que são metabolizadas de forma diferente de outras gorduras. Este tipo de gorduras conduzem a um aumento da saciedade e da queima de gordura.
3- A MANTEIGA REDUZ O RISCO DE ATAQUE CARDÍACO EM COMPARAÇÃO COM A MARGARINA


Até agora substituímos a manteiga, que é um alimento saudável, por algo que contêm gorduras trans altamente processadas… que são tóxicas e provocam todo o tipo de problemas para a saúde.

No estudo Framingham heart, os investigadores examinaram os efeitos da manteiga e da margarina na saúde cardiovascular e verificaram que a margarina aumenta de forma significativa o risco de problemas cardiovasculares, enquanto a manteiga não teve qualquer efeito.

Outro estudo revelou que o consumo de laticínios gordos reduziu o risco de problemas cardiovasculares por uns incríveis 69%, muito provavelmente devido ao aumento da ingestão de vitamina k2.
4- A MANTEIGA É UMA BOA FONTE DO ÁCIDO GORDO BUTIRATO


O butirato é um tipo de ácido gordo criado pelas bactérias do cólon quando estas são expostas à fibra dietética e esta pode ser a principal razão para as fibras proporcionaram benefícios para a saúde dos seres humanos.

Mas existe uma outra excelente fonte de butirato… a manteiga, que é composto por cerca de 3-4% de butirato.

Em estudos realizados com ratos, a suplementação com butirato preveniu o aumento de peso derivado de uma má dieta, aumentando o dispêndio de energia e reduzindo a ingestão de alimentos. Também melhora o funcionamento das mitocôndrias e reduziu os níveis de insulina e de triglicerídeos em jejum.

Nos seres humanos, o butirato é anti-inflamatório e tem efeitos protetores potentes no sistema digestivo.
5- A MANTEIGA É RICA EM ÁCIDO LINOLEICO CONJUGADO


A manteiga, especialmente a proveniente de animais alimentados a pastos, é uma excelente fonte de um ácido gordo chamado Ácido Linoleico Conjugado, também conhecido por CLA.

Este ácido gordo pode ter efeitos potentes no metabolismo e até é vendido como suplemento para perda de peso. O CLA demonstrou possuir propriedades anti-cancerígenas, e também diminuir a percentagem de gordura corporal em seres humanos.

No entanto, outros estudos verificaram que o CLA não tem qualquer efeito na composição corporal.
6- A MANTEIGA ESTÁ ASSOCIADA A UM MENOR RISCO DE OBESIDADE


As autoridades de nutrição mais proeminentes costumam recomendar o consumo de lacticínios pobres em gordura. A ideia é que dessa forma, podemos obter o cálcio de que necessitamos sem todas essas gorduras más e calorias excessivas.

Mas apesar do conteúdo mais elevado de calorias, a ingestão de lacticínios gordos não está associada à obesidade.

De fato, um artigo de revisão que foi publicado em 2012, examinou os efeitos do consumo de lacticínios gordos na obesidade, doenças cardiovasculares e outras desordens metabólicas.

Eles descobriram que os lacticínios gordos não aumentam o risco de doença metabólica e que foram associados a um risco significativamente mais reduzido de obesidade.

Para alem dos vários benefícios para a saúde que a manteiga nos proporciona, é também bastante deliciosa e sempre com um sabor superior à margarina. Que mais se poderia pedir deste fantástico alimento?

Quer saber mais sobre os benefícios da manteiga?
Leia a reportagem completa: 6 benefícios da manteiga




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seu comentário.
Ele nos ajuda a pesquisar os assuntos que interessam a você, leitor.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Feiras Orgânicas